História

 Os Jogos Internacionais de Mineração são uma competição anual composta por 7 provas relacionadas à mineração.


A competição ocorreu pela primeira vez em 1978 em homenagem aos mineiros mortos em uma mina de Prata em Idaho (EUA) e, desde então, uma universidade diferente no mundo sedia o evento, tendo as últimas edições contado com a participação de mais de 40 equipes do mundo todo.


O objetivo principal dos Jogos é manter vivas as técnicas utilizadas nas minerações antigas, bem como promover o encontro entre estudantes, profissionais e empresas da área de mineração, realizando assim a conexão necessária entre academia e mercado de trabalho.


As equipes são compostas por 6 (ou 5) integrantes e são divididas em três categorias: equipes masculinas, femininas e mistas.

Provas

TRACK STAND

Equipe realiza a montagem e desmontagem de um trecho de trilho utilizando parafusos, pregos, marretas e pés-de-cabra.

GOLD PANNING

Com o auxílio de uma bateia, 5 membros da equipe devem encontrar pequenas amostras de minério numa mistura de lama.

JACKLEG DRILLING

Utilizando uma perfuratriz pneumática, a equipe tem que fazer furos em uma parede de concreto. Profundidade e precisão são os aspectos avaliados.

HAND MUCKING

 Envolve o carregamento de uma vagoneta com carvão e posterior deslocamento desta vagoneta cheia até o fim do trilho e depois de volta até o início. 

SWEDE SAW

Através da utilização de arco-serras de 28”, 5 membros da equipe se alternam para serrar uma tora de madeira de dimensões 6”x 6”.

HAND STEELING

Utilizando brocas e marretas, cada membro da equipe deve perfurar um bloco de concreto. Avalia-se rapidez e profundidade do furo.

SURVEYING

Equipe faz transporte de coordenadas de um ponto conhecido para um intermediário e um final através do uso de um trânsito antigo.

Últimas edições

O USP Mining Team esteve presente nas edições de número 39 e 40, sediadas pela University of Kentucky (EUA) e Camborne School of Mines (Reino Unido) respectivamente.